Sociedade

Japão planeja incluir motos de 125cc na mesma categoria de habilitação para veículos de 50cc

As alterações na legislação de trânsito serão aplicadas e divulgadas antes de novembro de 2025

Japão planeja incluir motos de 125cc na mesma categoria de habilitação para veículos de 50cc

Tóquio, Japão — A Agência Nacional de Polícia do Japão está atualmente revisando as regulamentações relacionadas à licença para condução de motocicletas, abrangendo veículos de até 125cc na mesma categoria daqueles com até 50cc, conforme divulgado pela emissora NHK nesta quinta-feira.

Com essa revisão, motocicletas de até 125cc, que atendam a critérios específicos, poderão ser conduzidas com uma licença de “gentsuki bike” (até 50cc), normalmente obtida a partir dos 16 anos de idade.

Publicidade
blank

A mudança é uma resposta à intensificação dos padrões de emissão de gases que entrarão em vigor em novembro de 2025. Atualmente, a legislação de trânsito japonesa define “gentsuki bike” como motocicletas com cilindrada total de até 50cc.

Contudo, com os novos padrões de emissões planejados, as motocicletas com o desempenho atual do motor não poderão mais ser produzidas.

Assim, a Agência Nacional de Polícia, em colaboração com especialistas, está considerando incluir motocicletas com cilindrada de até 125cc na categoria “gentsuki bike”.

Testes com protótipos de motocicletas demonstraram que, ao limitar a potência máxima a 4 quilowatts, as motocicletas de 125cc apresentam características de aceleração semelhantes às das motocicletas de 50cc atualmente em circulação.

As alterações na Lei de Trânsito serão implementadas e divulgadas antes de novembro de 2025, quando os novos regulamentos de emissões entrarão em vigor.

Contudo, para conduzir motocicletas de até 125cc sem restrições de potência, ainda será necessário possuir uma licença padrão. A agência planeja aumentar a conscientização sobre essa distinção no futuro.

Foto: PhotoAC

Comentários
Publicidade
blank