Emprego

Setores que oferecem os melhores salários no Japão, revela pesquisa

Você já se perguntou quais setores oferecem as melhores remunerações ou quais profissões têm os salários mais altos?

Setores que oferecem os melhores salários no Japão, revela pesquisa

Tóquio, Japão — A Persol Carrier, empresa gestora da Doda, realizou uma extensa pesquisa com aproximadamente 630 mil assalariados japoneses, abrangendo idades de 20 a 65 anos ao longo de um ano. O objetivo foi identificar os setores da economia que melhor remuneram seus funcionários e executivos, bem como analisar os salários por profissão.

Em relação aos setores, apesar de algumas mudanças nas posições de liderança em comparação ao ano passado, as três principais indústrias permaneceram as mesmas.

Publicidade
blank

Ranking dos Setores com Melhores Salários:

  1. Instituição Financeira, Área de Investimento: Salário anual médio de 7,5 milhões de ienes.
  2. Indústria do Tabaco: 6,67 milhões de ienes.
  3. Indústria de Produtos Médicos: 6,47 milhões de ienes.
  4. Instituição Financeira, Área de Valores Imobiliários: 5,96 milhões de ienes.
  5. Consultoria Financeira: 5,85 milhões de ienes.

Profissões Melhor Remuneradas:

No que diz respeito às profissões mais bem remuneradas, se você pensou em advogados, quase acertou. Confira o ranking da média anual de rendimentos.

  1. Médico: 10,28 milhões de ienes.
  2. Especialista em Investimentos: 9,47 milhões de ienes.
  3. Advogado: 8,25 milhões de ienes.
  4. Gestor de Fundos de Investimentos: 8,10 milhões de ienes.
  5. Analista Financeiro: 7,95 milhões de ienes.
  6. Representante da Área Médica: 7,32 milhões de ienes.
  7. Desenvolvedor de Produtos Financeiros: 7,19 milhões de ienes.

Profissões como merchandiser ou especialista em marketing não são tão bem remuneradas no Japão, ficando na faixa média de 5,14 a 5,17 milhões de ienes anuais. Portanto, aqueles que se especializam em medicina e nas diversas áreas financeiras têm chances de obter os melhores salários.

Início e Fim de Carreira

É importante notar que um assalariado recém-formado que está iniciando a carreira não ganha a média apresentada acima. O salário anual médio para uma pessoa na faixa dos 20 anos foi de 3,52 milhões de ienes.

À medida que a experiência aumenta e a faixa etária avança, o salário anual sobe, atingindo 5,11 milhões de ienes por volta dos 40 anos. Ao chegar aos 60 anos, a média de um assalariado é de 6,07 milhões de ienes.

Foto: PhotoAC

Comentários
Publicidade
blank