Sociedade

Planeja viajar no final de ano? Confira a previsão de congestionamentos nas vias expressas

As operadoras solicitam que os condutores se mantenham atualizados sobre as condições das estradas por meio de seus sites

Tóquio, Japão — As operadoras de rodovias expressas no Japão alertaram para possíveis congestionamentos durante o período entre o final do ano e o início do novo ano. Segundo informações da NHK, a previsão é de engarrafamentos entre os dias 29 de dezembro e 4 de janeiro.

No dia 29 de dezembro, próximo ao trevo Hadano-Nakai, na expressa Tomei, província de Kanagawa, espera-se um congestionamento de cerca de 40 km por volta das 8h. No dia 30, a previsão é de 35 km por volta das 8h.

Publicidade
blank

Durante esse período, as operadoras estimam congestionamentos de até 20 km nas rodovias expressas Tomei e Kanetsu.

No início do ano novo, quando é comum ocorrer o retorno, a expectativa das operadoras é a seguinte: engarrafamentos de aproximadamente 35 km por volta das 17h do dia 2 de janeiro, começando próximo ao trevo de Kazo, província de Saitama, na rodovia expressa Tohoku.

Com relação ao retorno, na rodovia expressa Kanetsu, perto da área de serviço de Takasaka, província de Saitama, prevê-se um congestionamento de até 30 km por volta das 16h do dia 2, atingindo 25 km por volta das 17h no dia 3 de janeiro.

Na rodovia expressa Tomei, o congestionamento chegará a 30 km por volta do meio-dia de 2 de janeiro, começando perto do Ayase Smart IC, província de Kanagawa. No mesmo horário do dia 4 de janeiro, estima-se um engarrafamento de 25 km próximo das 16h.

Além disso, são esperados congestionamentos de até 20 km nas rodovias expressas Chuo, Joban, Higashi-Meihan e Kyushu.

Na rodovia expressa Tohoku, próximo ao estacionamento de Hanyu, província de Saitama, prevê-se um congestionamento de 25 km às 11h do dia 2 de janeiro.

Para os motoristas, as operadoras recomendam verificar as previsões de congestionamentos em seus sites, evitar sair nos dias e horários de maior movimento e instalar pneus de inverno e correntes, se necessário.

Foto: PhotoAC

Comentários
Publicidade
blank