JapãoSociedade

Fusa Tatsumi, a pessoa mais velha do Japão, morre aos 116 anos

"Ela foi uma autêntica fonte de inspiração para aqueles que almejam longevidade", afirmou um dos filhos

Fusa Tatsumi, a pessoa mais velha do Japão, morre aos 116 anos

Kashiwara, Japão – Fusa Tatsumi, reconhecida como a pessoa mais idosa do Japão, faleceu aos 116 anos na manhã de terça-feira (12) na cidade de Kashiwara, Osaka, por causas naturais, conforme relatou o jornal Asahi.

Nascida em 1907 na atual cidade de Yao, Fusa era a segunda filha de uma família de seis irmãos. Aos 32 anos, casou-se com um agricultor que cultivava pêssegos e uvas. Além de suas habilidades como agricultora, Fusa era também uma mestre em ikebana, a arte japonesa de arranjo floral. Até os 106 anos, ela decorava a entrada de sua casa com suas próprias criações.

Publicidade
blank

Após o falecimento da então pessoa mais velha do Japão em abril do ano passado, Fusa assumiu o título de mais idosa do país. Em setembro deste ano, recebeu uma homenagem do governador de Osaka, Hirofumi Yoshimura. Nas últimas semanas, seu estado de saúde deteriorou-se.

“Queríamos celebrar seu 117º aniversário, mas estávamos preparados para qualquer desfecho. Ela foi uma verdadeira fonte de inspiração para aqueles que aspiram longevidade e resistiu corajosamente até agora”, expressou Kanji, seu filho mais velho.

O Ministério da Saúde anunciou nesta quarta-feira (13) que a nova pessoa mais velha do Japão é Tomiko Itooka, residente em Ashiya, Hyogo, com 115 anos de idade.

Foto: Reprodução/JNN

Comentários
Publicidade
blank