Coronavírus

Japão começará a aceitar turistas estrangeiros em junho

O governo deverá abrir o país para pequenos grupos de turistas a partir deste mês, como teste

blank
Tóquio – O governo do Japão começará a aceitar alguns turistas estrangeiros a partir de junho, publicou a Kyodo News, citando uma fonte com conhecimento do assunto.
O primeiro-ministro Fumio Kishida havia dito durante sua visita a Londres na quinta-feira (5) que o Japão revisará suas restrições de entrada no país “em etapas”, após consultar especialistas em saúde pública, e que as colocará em pé de igualdade com outras nações do Grupo dos Sete.
A fonte acrescentou que antes da liberação em junho, o governo japonês poderá aceitar um número limitado de excursões em grupo até o final de maio.
Essa liberação antecipada envolveria pequenos grupos de turistas estrangeiros visitando pontos com base em itinerários fixos para controle do governo, para poder responder adequadamente o possível surgimento de algum caso de Covid-19.
Hoje o Japão aceita a entrada de até 10.000 pessoas por dia, mas empresários, estagiários técnicos e estudantes estrangeiros.
O plano do governo seria aumentar esse limite, assim como o total de turistas estrangeiros a serem admitidos, nos próximos meses.
O governo do Japão considerará a exigência de que os turistas já tenham recebido a vacina de reforço antes de chegarem ao país.
O Japão começou a restringir a entrada de estrangeiros em fevereiro de 2020, quando surgiram os primeiros casos de Covid-19 no mundo. Mais tarde passou a aceitar um número limitado de estrangeiros vacinados, mas que viessem para realizar negócios.
Com o avanço de casos da variante Ômicron, o Japão proibiu a entrada de estrangeiros não residentes em novembro de 2021. Porém, o bloqueio gerou críticas tanto dentro quanto fora do país.
Então o governo começou a flexibilizar a proibição em março deste ano, aumentando gradativamente o limite total de pessoas admitidas em aeroportos, ampliando para empresários, estagiários técnicos e estudantes.
Antes da pandemia, o Japão chegou a receber quase 32 milhões de turistas estrangeiros. O plano do governo era de chegar a 40 milhões em 2020, aproveitando a realização das Olimpíadas de Tóquio, as quais precisaram ser adiadas para 2021 em razão da disseminação do vírus.
Em 2021, o país recebeu 245.900 visitantes, o número mais baixo desde 1964. Comparado com os dados de 2019, a queda foi de 99,2%.
Comentários
Publicidade
blank