Sociedade

Aumenta número de brasileiros residentes no Japão em 2022

Pela primeira vez, o número de residentes estrangeiros ultrapassou a marca de 3 milhões.

Aumenta número de brasileiros residentes no Japão em 2022Mulher segurando a bandeira do Brasil

De acordo com dados divulgados pela Agência de Imigração do Japão na sexta-feira (24), o número de brasileiros residentes no país teve um aumento de 4.551 pessoas em 2022, passando de 204.879 para 209.430, representando uma alta de 2,2%.

Ao todo, o número de estrangeiros residentes no Japão foi de 3.075.213, o que representa um aumento de 11,4% em relação ao ano anterior, ultrapassando os três milhões pela primeira vez.

Publicidade
blank

As medidas de controle de fronteiras foram flexibilizadas no ano passado para prevenção da Covid-19, o que contribuiu para um grande aumento no número de estudantes e estagiários estrangeiros. Os brasileiros continuam sendo a quinta maior comunidade estrangeira no país, ficando atrás dos chineses, vietnamitas, coreanos e filipinos.

Em relação ao tipo de visto, houve um aumento de 92.808 estudantes em relação a 2021 e de 48.817 estagiários em habilidades técnicas. Além disso, o número de refugiados reconhecidos aumentou em 128 pessoas, totalizando 202, enquanto o número de estrangeiros autorizados a permanecer no país por razões humanitárias, mesmo sem serem reconhecidos como refugiados, aumentou em 1.180 pessoas, chegando a 1.760. Ambos são os maiores números já registrados desde o início do sistema de reconhecimento de refugiados em 1982.

ESTRANGEIROS NO JAPÃO EM 2022
(as 10 maiores comunidades, segundo a Agência de Imigração)
1. Chineses: 761.563 (aumento de 44.957)
2. Vietnamitas: 489.312 (aumento de 56.378)
3. Coreanos: 411.312 (aumento de 1.457)
4. Filipinos: 298.740 (aumento de 22.125)
5. Brasileiros: 209.430 (aumento de 4.551)
6. Nepaleses: 139.393 (aumento de 42.284)
7. Indonésios: 98.865 (aumento de 39.045)
8. Norte-americanos: 60.804 (aumento de 6.642)
9. Taiwaneses: 57.294 (aumento de 6.103)
10. Tailandeses: 56.701 (aumento de 6.377)
TIPOS DE VISTO
1. Residentes permanentes: 863.936 (aumento de 32.779)
2. Treinamento técnico: 324.940 (aumento de 48.817)
3. Trabalho altamente qualificado: 311.961 (aumento de 37.221)
4. Estudantes: 300.638 (aumento de 92.808)
5. Residentes permanentes especiais: 288.980 (queda de 7.436)
PROVÍNCIAS COM MAIS ESTRANGEIROS
1. Tóquio: 596.148 (aumento de 65.017)
2. Aichi: 286.604 (aumento de 21.405)
3. Osaka: 272.449 (aumento de 26.292)
4. Kanagawa: 245.790 (aumento de 18.279)
5. Saitama: 212.624 (aumento de 15.514)
6. Chiba: 182.189 (aumento de 16.833)
7. Hyogo: 123.125 (aumento de 11.185)
8. Shizuoka: 106.345 (aumento de 9.007)
9. Fukuoka: 89.518 (aumento de 13.284)
10. Ibaraki: 81.478 (aumento de 10.357)
Imagem: Freepik
Comentários
Publicidade
blank