Educação

Primeira escola do Japão a oferecer ensino integrado para alunos das comunidades estrangeiras

O governador de Aichi propõe transformar escola em modelo integrado para alunos estrangeiros a médio prazo

primeira-escola-do-japao-a-oferecer-ensino-integrado-para-alunos-das-comunidades-estrangeiras

Hideaki Omura, governador da província de Aichi, no Japão, divulgou uma diretriz para a abertura da primeira escola do país que oferecerá ensino ginasial e colegial integrado para alunos com raízes estrangeiras.

A escola escolhida para sediar o projeto é a Escola Provincial de Aichi Koromodai, localizada na cidade de Toyota.

Publicidade
blank

A Koromodai já possui muitos alunos estrangeiros, que passaram por um processo seletivo especial e, em muitos casos, necessitam de ensino da língua japonesa.

A nova escola integrada deverá fornecer suporte educacional para esses alunos nos próximos 2 a 3 anos, em cooperação com outras escolas, oferecendo instruções na língua materna dos estudantes e possibilitando o aprendizado da língua japonesa.

A iniciativa visa proporcionar um ambiente de aprendizado positivo para estudantes estrangeiros que desejam se estabelecer no Japão. “Queremos oferecer uma escola para os estudantes com raízes estrangeiras aprenderem a fim de viverem positivamente no Japão”, afirmou Omura.

A abertura da escola integrada na Koromodai é um passo importante em direção à inclusão e à igualdade de oportunidades para alunos estrangeiros no país.

Foto: Escola Provincial de Aichi Koromodai, na cidade de Toyota (Tokai TV)

Comentários
Publicidade
blank