Economia

Moeda japonesa se valoriza significativamente em relação ao dólar; entenda as razões

As declarações do presidente do Banco do Japão geraram uma inclinação para a compra do iene e a venda do dólar

blank

Tóquio, Japão — O iene japonês experimentou uma valorização significativa nesta sexta-feira (8), atingindo a marca de 141 ienes por dólar pela primeira vez em cerca de quatro meses, antes de se estabilizar em torno de 143 ienes pela manhã, em resposta a indicações de formuladores de políticas sugerindo uma possível mudança na política de juros ultrabaixos pelo Banco do Japão, conforme relatado pela emissora NHK e pela agência Reuters.

A especulação em torno da possibilidade de o Banco do Japão revisar sua atual política de flexibilização monetária em larga escala desencadeou a valorização do iene.

Publicidade
blank

Essas expectativas alimentaram a perspectiva de uma redução na diferença entre as taxas de juros do Japão e dos Estados Unidos, resultando no fortalecimento do iene e na fragilização do dólar.

Kazuo Ueda, presidente do Banco do Japão, acrescentou combustível às especulações ao afirmar que “o final deste ano e o início do próximo serão ainda mais desafiadores”, gerando a interpretação de que mudanças nas políticas monetárias podem estar no horizonte. Isso levou a uma tendência de compra do iene e venda do dólar.

O iene registrou um aumento notável de 2,39% em relação ao dólar americano, marcando a maior alta diária desde 12 de janeiro e atingindo a taxa de 143,86 ienes por dólar.

Enquanto outros bancos centrais, como o Federal Reserve dos EUA e o Banco Central Europeu (BCE), avançam ou finalizam seus ciclos de aumento de taxas, o Banco do Japão permanece como o único que ainda não iniciou o processo de aperto monetário.

Quais são as razões da valorização do Iene?

  • Especulações sobre mudança na política monetária do Banco do Japão: A valorização do iene foi impulsionada por especulações de que o Banco do Japão (BOJ) poderia revisar sua política de flexibilização monetária em larga escala, possivelmente afastando-se das taxas de juros ultrabaixas.
  • Declarações do presidente do BOJ: Kazuo Ueda sinalizou que a gestão da política monetária se tornaria mais desafiadora no final deste ano e no início do próximo, indicando a possibilidade de várias opções de política monetária no horizonte. Essas declarações alimentaram as expectativas de uma mudança na política do BOJ.
  • Redução do diferencial de juros entre Japão e EUA: A perspectiva de uma mudança na política do BOJ resultaria em uma redução na diferença entre as taxas de juros do Japão e dos Estados Unidos, favorecendo a valorização do iene em relação ao dólar.
  • Percepção de fim do ciclo de aumento de taxas pelo Federal Reserve: A visão de que o ciclo de aumento das taxas de juros pelo Federal Reserve (Fed) dos EUA pode estar se encerrando também influenciou a valorização do iene, levando a uma queda nas taxas de juros de longo prazo nos EUA, incentivando a compra de ienes.
  • Fortalecimento do iene nos mercados globais: O iene não só se fortaleceu em relação ao dólar, mas também globalmente, refletindo a reação à dinâmica das políticas monetárias das principais economias.”

Foto: Reprodução/JNN

Comentários
Publicidade
blank